Arquitetura Nacional

Ivo Rizzo Quadra K

Residencial

O projeto localiza-se no último terreno do loteamento Jardim Europa, um bairro planejado desenvolvido ao redor de um grande parque urbano – Parque Germânia – na zona norte de Porto Alegre. O lote possui desnível de 4m e, por estar localizado nos limites do loteamento, apresenta formato irregular em decorrência da interface do lote com o tecido urbano consolidado e mais antigo. A menor das faces esta voltada ao Parque Germânia.

O conceito inicial do projeto buscou garantir que todos os apartamentos pudessem desfrutar da vista ao Parque Germânia. Dessa forma, o prédio foi dividido em quatro faixas perpendiculares ao parque, que organizam a ocupação dos apartamentos. Assim, buscou-se garantir a melhor orientação para todas as unidades. Esta estratégia surge da necessidade de extrair os potenciais particulares do terreno, ao invés de buscar soluções genéricas e desconectadas de seu entorno de implantação, estratégias que infelizmente ainda são muito empregados em diversos empreendimentos. A implantação do projeto também faz uso do desnível de 4m, pois prédio se acomoda ao terreno, garantido acesso em nível aos dois pavimentos de estacionamento (térreo e subsolo).

O projeto privilegia os espaços de uso comum, buscando trazer ao prédio as características contemporâneas do morar e trabalhar em casa. No térreo, encontram-se as áreas que podem ser empregadas como extensão do escritório: sala de reuniões, estar reservado e um estar mais informal com arquibancada que pode ser utilizada como local de trabalho. Já na cobertura estão as áreas comuns destinadas ao lazer, sendo um salão de festas com terraços descobertos com vista para o parque, estar condominial, terraço com lareira e jacuzzi e uma lavanderia condominial.

As quatro faixas horizontais que estabelecem a ordem de ocupação do terreno formam quatro planos verticais que definem a volumetria do prédio. Estes planos possuem alturas diferentes, decorrentes dos recuos de altura provenientes do regime urbanístico. Os planos centrais são mais altos, abrigando além de apartamentos, as áreas condominiais da cobertura.

O prédio possui 28 apartamentos, sendo 4 duplex e 24 apartamentos lineares com dois quartos. Os apartamentos possuem layouts flexíveis, que podem ser adequados conforme a necessidade dos moradores, com isso o prédio pode atender diferentes perfis. Todos os apartamentos se abrem para sacadas voltadas ao Parque Germânia.

A escolha de materiais foi pautada pela busca da durabilidade e que conferissem uma linguagem contemporânea ao predio. Assim, os planos verticais possuem fechamento em chapa metálica ondulada, lisa nas partes fechadas e perfuradas nas aberturas. Nos quartos, além de perfuradas, o revestimento metálico possui um sistema de abertura tipo camarão que permite a ventilação e iluminação total do vão. Nas sacadas, os brises sombreiam os ambientes internos permitindo o controle da incidência solar, podendo ser movimentados pelos moradores conforme desejar.

ivo rizzo quadra k

USO RESIDENCIAL
LOCALIZAÇÃO PORTO ALEGRE, RIO GRANDE DO SUL, BRASIL
ÁREA DO TERRENO 1.121,94m²
ÁREA CONSTRUÍDA 3.822,17m²
ANO DE PROJETO 2017
INÍCIO DA OBRA 2018
STATUS EM ANDAMENTO

PROJETO ARQUITETÔNICO  EDUARDO L MAURMANN, ELEN B N MAURMANN, PAULA OTTO (sócios), 
YURI ENDO KOKUBUN (coordenador) E EQUIPE ARQUITETURA NACIONAL

PROJETOS COMPLEMENTARES

ESTRUTURAL
VANTEC ESTRUTURAS LTDA
HIDROSSANITÁRIO E ELÉTRICO FILIPPON ENGENHARIA
INTERIORES VICTÓRIA RIZZO ARQUITETURA
PAISAGISMO ARQUITETO DANIEL DILLENBURG
PPCI SUPERNOVA ENGENHARIA DE INCÊNDIO
FUNDAÇÕES R2A PROJETOS
IMPERMEABILIZAÇÃO CRUZ & CRUZ
MODULAÇÃO GOBBATO ARQUITETURA
AR CONDICIONADO EJR AR CONDICIONADO
GÁS FIALHO ARQUITETURA
ACÚSTICA NABINGER PROJETOS ACÚSTICOS
COMPATIBILIZAÇÃO MELLO ARQUITETURA
SOFTWARE ARCHICAD

IMAGENS MAPA