Arquitetura Nacional

Casa R&L

Casa R&L

Uso Residencial
Localização Eldorado do Sul – RS
Ano de Projeto 2015
Área 390m²
Status Obra Finalizada
Projeto de Interiores Arquitetura Nacional – Eduardo Maurmann, Elen Balvedi Maurmann, Paula Otto (sócios), Samuel Dall Alba e equipe Arquitetura Nacional
Fotografias Marcelo Donadussi
Mobiliário Móveis Kretschmar
Revestimentos Castelatto e Lurca
Software ArchiCAD

Buscando referências na internet, os clientes chegaram até a Arquitetura Nacional. De cara se identificaram com estilo e a linguagem do escritório. Desde o primeiro encontro houve sintonia total: eles gostariam um projeto de interiores para a nova casa que estavam construindo.

A ideia deles era se mudar para uma região mais afastada e viver uma vida tranquila após as filhas terem saído de casa. Para isso, escolheram um condomínio fechado muito agradável na região metropolitana de Porto Alegre.

Os clientes queriam que o projeto refletisse a personalidade de ambos e que tivesse bastante espaço para receber a família e os amigos.

Pensando nisso, a Arquitetura Nacional criou um ambiente com estética apurada e minimalista, que valoriza a área social e a cozinha. A cozinha, aliás, é a grande protagonista, o verdadeiro coração da casa. Seu tamanho amplo permite que os visitantes se acomodem confortavelmente em torno do cozinheiro da vez. Junto à parede de concreto, há uma grande louçaria, que guarda a coleção de louça repleta de histórias dos moradores.

Como a ideia da casa é ser o lar dos clientes por muitos anos, se optou por um mobiliário atemporal e de ótima qualidade.

Um dos grandes destaques da casa são os detalhes propostos na paginação do concreto: ripado a cada 4 cm, cria uma bela textura que agrega personalidade à casa. Na parede oposta, os doze metros da parede principal receberam um revestimento de placas cimentícias, que além de manter a linha minimalista, harmonizam com o concreto ripado.

O esquema de cores permeia toda a casa. Grandes painéis em marcenaria na cor bege criam uniformidade entre os ambientes. Na subida da escada, eles conduzem ao segundo pavimento, onde uma obra de arte importante para o casal ganha destaque no hall em um painel azul, que faz as vezes de sapateira e luminária, priorizando a iluminação indireta dos espaços. No andar superior, mais uma vez, a praticidade e o conforto foram prioridade.